DNDi and Atomwise firmam parceria para desenvolver novos tratamentos para doenças negligenciadas usando inteligência artificial

Rio de Janeiro – 16 de abril de 2019

Esforços para descobrir novas entidades químicas contra a doença de Chagas apresentam resultados positivos

A Atomwise Inc., empresa norte-americana que utiliza a Inteligência Artificial (IA) para a descoberta de medicamentos, e a DNDi, organização sem fins lucrativos de pesquisa e desenvolvimento de tratamentos para doenças negligenciadas, anunciaram hoje que novas entidades químicas foram descobertas em uma iniciativa para desenvolver tratamentos de ponta para a doença de Chagas. A colaboração é parte do programa Atomwise Artificial Molecular Screen (AIMS).

Os centros de Controle e Prevenção da doença estimam que 7 milhões de pessoas tenham Chagas em todo o mundo. Deste total, aproximadamente 30% desenvolvem problemas cardíacos, digestivos ou neurológicos em consequência da enfermidade.

Os cientistas da DNDi selecionaram três alvos moleculares verificados, porém desafiadores, para esta pesquisa. A Atomwise examinou milhões de compostos usando sua tecnologia de Inteligência Artificial de detecção com o intuito de prever as entidades que se ligam e potencialmente inibem as proteínas da doença. A investigação poderia oferecer um caminho para novos medicamentos. A partir do programa AIMS, que apoia centenas de pesquisadores em instituições sem fins lucrativos e universidades ao redor do mundo, Atomwise forneceu entidades químicas sem cursos para serem testadas pelos pesquisadores da DNDi.

“Nossa parceria com a Atomwise tem permitido acessar a tecnologia ‘no estado da arte’, o que é mais eficiente e tem maior custo-benefício que os métodos tradicionais”, disse Benjamin Perry, PhD, gerente sênior de Descobertas e pesquisador da DNDi. “O próximo passo desta colaboração será transformar os compostos em projetos ativos de descoberta e ajudar a preencher a pipeline de potenciais tratamentos para pacientes com Chagas. Esta parceria, com ganhos para ambos os lados, está mostrando o potencial das novas tecnologias na descoberta de novos medicamentos para doenças negligenciadas”.

Os atuais tratamentos para a doença de Chagas são insatisfatórios, pois são administrados por longos períodos e têm eficácia incerta para pacientes em estágio avançado da doença. Juntas, a Atomwise e a DNDi estão conduzindo estudos para descobrir novos medicamentos que revertam um problema de saúde pública presente em vários cantos do mundo.

“O sucesso instantâneo da DNDi na doença de Chagas é um exemplo da meta que esperamos alcançar quando estabelecemos o programa AIMS para acelerar a descoberta de medicamentos que podem salvar vidas”, afirmou Dr. Abraham Heifets, CEO da Atomwise. “Nossos cientistas estão trabalhando com a DNDi de maneira criativa, com o intuito de aplicar nossa tecnologia para alvos que alguns podem considerar sem afinidade ou sem dados suficientes para estudos tradicionais. Embora sejam desafiadores, eles são uma grande oportunidade para a descoberta de tratamentos para doença de Chagas”

Sobre a doença de Chagas

A doença de Chagas é uma doença tropical negligenciada que afeta aproximadamente seis milhões de pessoas, com 30 mil novos casos e 14 mil óbitos por ano. É causada pelo parasita Trypanosoma cruzi (T.cruzi) e transmitida por insetos chamados de “barbeiros”. Também pode ser transmitida de mãe para filho (durante a gestação e/ou o parto), transfusão de sangue ou pela ingestão de alimentos contaminados.

Desde sua descoberta, em 1909, a doença tem afetado principalmente populações vulneráveis, com acesso limitado aos sistemas de saúde. Como permanece assintomática por anos após o contágio, a maioria dos infectados não fica sabendo que tem a enfermidade. Em 30%/40% da população infectada, a doença progride à fase crônica, levando a problemas cardíacos, digestivos, gastrointestinais e, frequentemente, à morte.

Sobre a DNDi

Organização de pesquisa e desenvolvimento sem fins lucrativos, a DNDi trabalha para encontrar novos tratamentos para pacientes negligenciados, principalmente com doença de Chagas, doença do sono, leishmaniose, filariose, micetoma, HIV pediátrico e hepatite C. A DNDi já entregou oito novos tratamentos. Na Doença de Chagas, a estratégia da organização possui três eixos: aprimorar ferramentas de diagnose e tratamentos a partir da inovação em pesquisa e desenvolvimento, estimular a colaboração, fortalecer a capacidade em países endêmicos a partir de plataformas científicas e melhorar o acesso dos pacientes a diagnósticos e tratamentos.

Sobre a Atomwise

A Atomwise criou a primeira tecnologia de aprendizagem utilizando Inteligência Artificial (IA) para a descoberta de medicamentos. Criada em 2012, hoje a empresa é responsável por centenas de projetos por anos, em parceria com algumas das maiores empresas farmacêuticas e agroquímicas do mundo, bem como mais de 100 universidades e hospitais em mais de 19 países. Atomwise possui mais de US$ 50 milhões de dólares provenientes de empresas de capital de risco para investir e desenvolver seu programa de IA.

Sobre o programa AIMS

O AIMS, programa de detecção de moléculas da Atomwise, foi criado para apoiar a descoberta de novos medicamentos em instituições acadêmicas. Os prêmios AIMS fornecem a tecnologia de Inteligência Artificial, compostos para detecção e consultoria em biologia estrutural em química farmacêutica.

A inscrição é aberta a qualquer pesquisador afiliado a instituições sem fins lucrativos. Os formulários podem ser enviados online em atomwise.com/aims. O próximo deadline é 29 de abril. Para mais informações, o contato academics@atomwise.com.

 

Contatos de imprensa

Marcela Dobarro
mdobarro@dndi.org
+21 98114 9429